O que realmente define um líder político?

Brasil piora sua nota no Índice de Percepção da Corrupção
12 de Fevereiro de 2019

O que realmente define um líder político?

O que define um líder? Essa é uma questão mais complexa do que parece. O fato é que o líder é reconhecido pelo grupo espontaneamente, como um verdadeiro representante, o porta-voz da coletividade. Todos confiam em suas decisões, no seu caráter e creem nas suas ideias. Acontece que não existe uma fórmula mágica para conquistar esse reconhecimento, mas, sim, quesitos como capacidade de persuasão, postura firme e pró-atividade. Nem sempre o líder consegue agradar a todos. É comum que ele encontre inimigos, afinal, existem forças de todos os lados diferentes. Em alguns momentos, no entanto, é importante manter o pulso firme e batalhar por aquilo em que você acredita.

O que dizer de Nelson Mandela? Foi o líder do movimento contra o Apartheid – legislação que segregava os negros no país. Condenado em 1964 à prisão perpetua, foi libertado em 1990, depois de grande pressão internacional. Ao sair da prisão, Mandela faz um discurso chamando o país para a reconciliação: “Eu lutei contra a dominação branca e lutei contra a dominação negra. Eu tenho prezado pelo ideal de uma sociedade democrática e livre, na qual todas as pessoas possam viver juntas em harmonia e com iguais oportunidades. É um ideal pelo qual eu espero viver e que eu espero alcançar. Mas caso seja necessário, é um ideal pelo qual eu estou pronto para morrer”. Recebeu o Prêmio Nobel da Paz, em dezembro de 1993, pela sua luta contra o regime de segregação racial. Em abril de 1994 conseguiu a realização das eleições multirraciais e foi eleito presidente da África do Sul. Em 2006, foi premiado pela Anistia Internacional, por sua luta em favor dos direitos humanos.

Um líder sempre lembrado é Martin Luther King. “Eu tenho um sonho.” Essa frase, de um discurso contra a segregação e o racismo, jamais será esquecida, não é mesmo. Foi dita por esse pastor e ativista norte-americano que lutou em defesa dos negros e das mulheres na década de 60. Era um ótimo orador. Tão bom que acreditava que a palavra era o suficiente para conquistar direitos, defendendo sempre a luta pacífica para a construção de um mundo melhor.  A razão tem um grande poder sobre as pessoas, e aqueles que falam a verdade costumam atrair seguidores. Hoje, Martin Luther King continua a ser uma das maiores inspirações do movimento negro em todo o mundo.

Barack Obama é um líder carismático. Presidente dos Estados Unidos por dois mandatos, ele foi o primeiro negro a ocupar o cargo. E desde os debates presidenciais, assim como nos 8 anos em que ocupou a Casa Branca, sempre manteve uma postura cortês e simples. E com sua excelente oratória, sempre numa linguagem simples, chegou até convencer adversários republicanos, que, em certo momento, chegaram a declarar que se identificavam com ele.

Podemos considerar também Angela Merkel uma histórica líder política. Ficou conhecida como ‘Mutti” (Mãe da Ação). Quando ingressou na carreira política, muitos consideravam a falta de carisma como o seu calcanhar de Aquiles.  Com o passar do tempo, no entanto, sua competência e seriedade foram reconhecidas não só pelos membros do seu partido, como entre toda a nação, reconhecimento que a levou ao posto de chanceler da República Federal da Alemanha, em novembro de 2005. O que demonstra que nem sempre o carisma é condição fundamental para a formação de um líder, mas sim a pro-atividade e o comprometimento para conquistar apoiadores e admiradores.

Outra líder a destacar é Margareth Thatcher. Ela tinha uma visão clara para o futuro da Inglaterra: diminuir o papel do Estado e abrir a economia para a Inglaterra ir pelo caminho do progresso. Alguns economistas, até hoje, atribuem o sucesso econômico do país às decisões tomadas por Thatcher, que ficou no poder entre 1979 e 1990, por três mandatos consecutivos. Pela ferocidade com que defendia suas ideias, Thatcher ganhou o apelido de Dama de Ferro.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *